domingo, 19 de outubro de 2008

Religião e Política


Engraçado como vivemos em um mundo hipócrita mesmo. Fiquei admirado vendo os comentários de alguns "religiosos" do Brasil em oposição a um projeto de lei que tramita no congresso nacional.

O PL 2623/2007 é, de fato, polêmico por que atinge o orgulho de religiosos no Brasil. Segundo o projeto é preciso alterar a nomenclatura de "padroeira dos brasileiros" e deixar apenas "padroeira dos católicos". Claro que os católicos se arrepiaram logo, logo. Andei vendo alguns dos comentários e críticas das principais redes de comunicação do Brasil. O que eu não concordo é quando dizem que o deputado está errado. Tem uns que até questionam o fato de o autor do PL ser professor. Pois eu venho aqui, defender algumas idéias com relação a esse fato:

Primeiro. Considero o autor do PL um homem de caráter. O Professor Victório Galli Filho foi meu professor de Teologia e, antes de chegar ao Congresso ele já defendia essa visão. O que concordo com ele. Não se pode denominar uma "padroeira" para a nação uma vez que nem todos compartilham com essa idéia.

O Brasil foi colonizado, de fato, pelos católicos, aprendeu a alfabetização pelos jesuítas e se considera a maior nação católica do mundo. Acontece que aqui também vieram os holandeses e ensinaram o protestantismo na época da colônia. A partir do início dos anos 1910 o Brasil recebeu uma leva de missionários protestantes que disseminaram uma nova religião. O fato concluso é que, a cada ano, o catolicismo perde grande parte dos seus fiéis. Sem contar que boa parte dos que se dizem católicos, nunca foram em uma igreja. Não estou aqui combatendo religião. Estou revelando dados e mostrando a História.

Segundo: O PL do Professor Victório é apenas para que mude a denominação. Ou seja, para aqueles que crêem na santa, ela continuará sendo a padroeira deles. Para aqueles que não crêem e nem compartilha com a idéia (como eu) as coisas continuam normais. Não vejo polêmica no PL. Acontece que pessoas fanáticas acham que o PL atinge os seus princípios e questionam...Por que não questionaram os outros projetos do Deputado. Aliás, ele tem outros projetos bastante interessante. O que deveriam fazer é acompanhar o que o seu representante faz no Parlamento. Sim, eu votei em Victório Galli Filho e fico feliz em ver que ele está fazendo alguma coisa. Acompanho os seus projetos e estou vendo que o meu voto não foi jogado fora.

Para finalizar, quero deixar bem claro que respeito toda forma de religião apesar de não concordar com nenhuma. Assim como afirmou Marx, dizendo que a religião era o ópio do povo na época dele, creio que continua sendo a cocaína do povo. Religião nunca salvou ninguém, não salva e, ao longo dos tempos, é a causa de todos os conflitos na Terra. Felipe II da Espanha confiava no catolicismo para derrotar Elizabeth da Inglaterra porque ela era protestante e considerada bastarda. Suas naus, (a maior da época) sucumbiram próximo a ilha da Bretanha. Deus era protestante e apoiava Elizabeth? Não. Creio que ele combateu o prepotente Felipe II.


Texto: Odair José.

2 comentários:

Elvira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elvira disse...

Meu querido amigo
Será que num país tão grande e com tantos problemas como o nosso,esse ou qualquer outro político não tem coisas mais importantes p fazer? Que tal justificar os pomposos salários recebidos a duras penas desse povo que desde a campanha política convive pacificamente com atitudes inconstitucionais ,tais como :"serei o candidatos dos aposentados"(exemplo),não somos todos iguais diante da lei??Então se eu não for aposentada,só pago o salario dele e não serei lembrada na hr dos direitos??Ou será q ele será pago pelos aposentados que ele defender. Acho que se eles tivessem que trabalhar arduamente como eu,vc e a grande maioria,não sobraria tempo para coisas tão inúteis,e talvez Ela seja a Padroeira do país Sim,independente da fé ou da falta dessa.Assim como Deus existe ,independente de nossa vã filosofia e dos politicos que governam esse mundo